Chocolate sem culpa

April 11, 2017

Conheça os benefícios do chocolate e coma sem culpa nesta Páscoa. No final da matéria, temos uma dica de ouro para depois que a Páscoa passar! 

 

Você sabia que os apreciadores de cacau apresentam níveis menores de hormônios do estresse circulando no sangue?

 


A explicação é que chocolates com maiores índices de cacau são ricos em flavonoide, componentes que destroem os radicais livres que causam a inflamação. Mas os benefícios do chocolate “amargo” ou “meio amargo” não param por aí!

 

Confira:

 

  • Previne o câncer, devido a sua riqueza em antioxidantes.

  • Melhora a circulação sanguínea e faz bem ao coração porque promove um fluxo adequado de sangue devido aos potentes antioxidantes do grupo dos flavonoides (catequinas, epicatequinas e procianidinas).

  • Estimula o sistema nervoso central e os músculos cardíacos, pois possui teobromina, que é uma substância com ação semelhante à cafeína.

  • Dá sensação de bem-estar, pois libera serotonina no organismo, neurotransmissor responsável pela sensação de bem-estar.

  • É aliado da beleza, pois além do alto poder hidratante, o produto combate os radicais livres, evitando a oxidação das células. Por isso está presente em banhos de ofurô, massagens, máscaras e outros cosméticos. 

 

Mas qual tipo de chocolate escolher? Entenda as diferenças:

 

  • Chocolate branco - não tem cacau e tem mais açúcar e gordura

  • Chocolate ao leite - é o mais comum e tem alguma quantidade de cacau, leite e açúcar

  • Chocolate meio amargo – possui de 40 a 55% de cacau, pouca quantidade de manteiga de cacau e açúcar

  • Chocolate negro ou amargo - é o que tem mais cacau, entre 60 a 85%, e menos açúcar e gordura 

 

Ou seja, quanto mais cacau o chocolate tiver, mais benefícios para a sua saúde e da sua família. Então na hora de comprar os ovos e na hora de preparar as sobremesas de Páscoa, lembre-se das nossas dicas. 

 

Afinal, o chocolate não é um vilão. Ele tem cálcio, proteína, gordura,  açúcar, e outras substâncias importantes. O grande problema é a quantidade.

 

A quantidade ideal de consumo do alimento não deve ultrapassar a porção de 50 gramas diárias, equivalente a uma barrinha ou dois brigadeiros. 

 

Dica de Ouro: E se você exagerou, porque não substituir durante a semana as principais refeições por uma sopa anti-inflamatória? Clique aqui e confira a receita dada pela nutricionista Francis Agnes, parceira da Rede TEM.

 

Para agendar uma consulta com um dos Nutricionistas da Rede TEM, ligue na Central de Atendimento TEM 0800 836 88 36.

 

Please reload

Destaques

A importância de manter a vacinação e a Carteira de Vacinação em dia!

18/07/2019

1/10
Please reload

+ Recentes

Please reload

Arquivo

Please reload